Home / Dicas para iniciantes / Como escolher ações com análise fundamentalista [Mini-Curso|7]

Como escolher ações com análise fundamentalista [Mini-Curso|7]

como investir em acoes 7 - analise fundamentalista I - Seu Guia de InvestimentosNeste artigo você vai aprender como investir em ações, os principais indicadores de análise fundamentalista de empresas, e como utilizá-los para escolher as melhores ações. Este é o 7º artigo do Mini-Curso “Como Investir em ações”. 

Por que é preciso escolher as ações nas quais vamos investir através da análise fundamentalista?

Com certeza você já deve ter ouvido no passado alguém falando que valia a pena investir em ações na bolsa, quando os preços estavam subindo. Ou que o minério de ferro brasileiro iria “bombar” e por isso, você deveria comprar ações da Vale do Rio Doce. Ou ainda que com o pré-sal, as ações da Petrobrás iriam subir como nunca.

E esse é um tipo de atitude muito comum no mercado financeiro. Muitos investidores tomam decisões de compra e venda de ações com base em análises superficiais ou acabam se deixando levar pelo que “parece” ser um bom investimento.

Porém, investir em ações com objetivo de realizar o buy and hold no longo prazo, é praticamente a mesma coisa que entrar como sócio em um negócio. E pra ser sócio de uma boa empresa é preciso, primeiro, analisar o negócio. E a melhor forma de fazer isso, no nosso caso, é utilizando a análise fundamentalista de empresas.

Investir no longo prazo via buy and hold é o mesmo que ser sócio de um negócio

Se você quer investir em ações via buy and hold, prepare-se para ser sócio de uma empresa por bons anos. O natural nesta situação é que, antes de virar sócio, você faça uma seleção do tipo de negócio do qual gostaria de fazer parte. Uma boa forma de fazer isso é através da análise fundamentalista, que é um método bastante simplificado de análise.

Veja um exemplo prático: imagine que você possui um capital de R$ 100 mil e quer investir numa empresa que já esteja funcionando, em forma de sociedade. O primeiro passo é identificar em quais setores você gostaria de investir. Para este exemplo, vamos imaginar três estabelecimentos comerciais, em três setores diferentes:

  • Uma loja de materiais de construção (construção civil/reformas)
  • Uma padaria 24 horas (alimentação)
  • Uma fábrica de ração para animais domésticos (alimentação veterinária)

Uma idéia prática do que é a análise fundamentalista

Como investir em acoes 7 - Analise fundamentalista - planejamento - Seu Guia de INvestimentosComo escolher entre esses três negócios pra investir? O primeiro passo é analisar cada empresa e avaliar se elas possuem vantagens competitivas no seu ramo. Por isso, o ideal é escolher empresas cujo negócio você entenda. O que traz retorno para o investimento em ações é a capacidade que a empresa tem de gerar receita (ou melhor, gerar “caixa”). E a receita que cada um destes negócios gera depende de alguns fatores importantes. Exemplo:

  • Crescimento do segmento (ex: no caso da loja de materiais de construção: se está localizada numa região com muitos prédio residênciais, no caso da padaria estar em região de bom fluxo de pessoas e possuir estacionamento, e etc)
  • Posicionamento estratégico da empresa (ex: que pode ser a localização da loja, a faixa de preços que pratica, algum diferencial oferecido em relação aos concorrentes, como por exemplo entrega em domicílio e etc);
  • Eficiência operacional (ex: no caso de todos estabelecimentos um bom controle de estoques minimizando o espaço fisico de armazenamento, e etc)
  • E muitos outros fatores, estes são apenas exemplos.

E pra entender se a empresa está indo bem, é preciso fazer toda essa avaliação, e a análise fundamentalista é uma ferramenta muito útil.

Mas qual é lógica de investir em ações de empresas escolhidas com análise fundamentalista?

A lógica de escolher empresas com análise fundamentalista, dentro de setores que você entenda é conseguir avaliar se o negócio é promissor, se ele está indo bem, e se vale a pena ser sócio (dependendo da política de pagamento de dividendos e preço da ação). Fazer uma análise abrangente do mercado e empresa. Saber analisar os números e entender o que eles querem dizer é uma habilidade vital pra quem quer investir em ações. E é isso que muitos bilionários fazem como Peter Lynch, Warren Buffett, Sir John Templeton, e era o que pregava Benjamin Graham com suas técnicas de investimento.
Empresas que possuem ações na bolsa tem metas anuais, e elas vão fazer de tudo pra alcançar essas metas. A principal é sempre aumentar seus lucros. Logo, ser sócio de uma empresa competitiva, que possua estratégia e recursos pra perseguir essas metas, é um dos melhores investimentos que se pode fazer. E o lucro da empresa é a fonte dos dois ganhos principais do acionista:

  • Dividendos
  • Preço da ação

Exemplos de indicadores de análise fundamentalista de empresas

Como investir em acoes 7 - Analise fundamentalista - planejamento - indicadores - Seu Guia de INvestimentosExistem muitas e muitas técnicas de análise fundamentalista, e métodos de avaliação de empresas. Muitas pessoas analisam o histórico de pagamento de dividendos, lucros, outros fazem projeções para o futuro, outros analisam balanços horizontal e verticalmente; e muitos investidores fazem uma combinação de todas estas análises. Não existe um método único. O que a maioria dos investidores de buy and hold faz é misturar várias técnicas para tentar entender o contexto da empresa e seu futuro. Abaixo veja alguns importantes indicadores que você pode utilizar quando estiver fazendo a análise fundamentalista da empresa e das ações de seu interesse:

Análise fundamentalista: exemplos de múltiplos de mercado

  • Preço/lucro: Preço da ação/lucro da ação;
  • Preço/Valor Patrimonial da ação: Preço da ação / Valor patrimonial dividido pelo número de ações;
  • Preço/Geração de Caixa: Preço da ação/ Caixa por ação;
  • EV/EBITDA: Valor da Empresa (de mercado ou valor justo)/EBITDA;
  • Dividend Yield: Dividendo por ação/Preço da ação;
  • ROE: Lucro líquido/Capital Social.

Análise fundamentalista: exemplos de indicadores de endividamento

  • Endividamento geral: (Passivo Circulante  + Exigível no Longo Prazo)/Patrimônio Líquido;
  • Endividamento oneroso: Dívida /Capital social.

Existem ainda uma infinidade de outros indicadores de análise fundamentalista que não caberiam em um, nem dois artigos. Aqui destaquei apenas alguns mais conhecidos. Muitos bilionários famosos, como Peter Lynch, Warren Buffett, Benjamin Graham e até brasileiros como o Lírio Parisotto, realizam este tipo de análise pra escolher suas ações.

No próximo artigo vamos ver um assunto que muitos leitores vem me perguntando por conta da crise: investimentos em ações nos Estados Unidos.

Gostou deste artigo do mini-curso “Como Investir em ações”? Compartilhe com seus amigos! Vamos ajudar a educação financeira atingir todos que estão à nossa volta!

E deixe um comentário dividindo a sua visão ou experiência com análise fundamentalista ou investimento em ações. Gosto muito de ler os comentários pois eles me dão gás para escrever e dividir um pouco do que eu sei, cada dia mais. 🙂

Compartilhe este artigo também com seus amigos nas redes sociais:

Artigos deste Mini-Curso:

Outros artigos relacionados:

[magicactionbox]

Sobre Gisele

Sou apaixonada por finanças e investimentos. Essa paixão começou em 2004 quando comecei a investir em ações. Aqui no site tenho como objetivo ajudar meus leitores a entender como o mercado financeiro e a economia estão presentes no seu dia-a-dia e a melhorar sua capacidade de tomar boas decisões de investimentos para suas vidas. Eu invisto através da filosofia de investimento em valor e análise fundamentalista. Quero dividir um pouco do que aprendi com vocês e também, aprender sempre mais através dos seus comentários e suas dúvidas.

16 comentários

  1. Misael da Silva

    Boa tarde.
    Gostaia de agrade por mais artigo de grande valor, para pequenos investidores, como EU.
    Que Deus te abençoe a cada dia.

    • Olá Misael! OBrigada pelo reconhecimento!

      É graças a pessoas como você que tenho combustível pra continuar escrevendo no site!

      Abraços e fique com Deus!

  2. LUcas

    Olá Gisele, tenho intenção de investir 10 mil reais daqui a dois em um grande Banco (ITAÚ e/ou BRADESCO) e deixar esse dinheiro lá por 5 anos. onde pegarei em torno de 50% dos dividendos se tiver em Tesouro Direto (NTB Principal e/ou LFT). O Restante dos dividendos deixaria reinvestido até o final desse período.

    Observação: Escolhi bancos baseado na ideia de que suão empresas sólidas aqui no Brasil, não busco uma rentabilidade acima do normal desejo um rentabilidade média acima do Tesouro.
    O que você acha dessa estratégia?

    Desde já agradeço Att, Lucas.

    • Olá Lucas,

      Se eu estivesse no seu lugar diversificaria mais se fosse investir em ações.. E antes de compra-las, o ideal é analisar os relatórios anuais, balanços e avaliar se o futuro é promissor, com base nos dados…
      É sempre uma boa dividir o capital entre renda fixa e variável, e neste ponto, sua estratégia está certissima!
      Abraços e boa sorte!

  3. Luiz

    Olá Gisele. Mais uma vez obrigado.

    Fiquei pensando: Então, dentre os fatores apontados na geração de receitas, a eficiência operacional é o de maior relevância.
    Por exemplo. No segmento de construção civil, as incorporadoras com excelente gestão devem ter previsto o difícil momento que o setor atravessaria a partir de 2013, e tomado as devidas medidas preventivas para atravessar o período sem grandes solavancos na geração de caixa. É isto?

    Obridado.

    • Olá Luiz!

      Muito bom o seu raciocínio! É verdade a eficiência operacional é muito importante, porém existem muitos e muitos outros fatores que eu não coloquei no artigo, porque iria ficar muito extenso e não conseguiria explicar. Mas a lógica de analisar uma empresa é mais ou menos essa como você falou!

      Abraços!

  4. Maristela

    Olá Gisele, primeiramente obrigada pela sua atitude, sou nova no ramo de investimentos e tenho percebido o quanto é difícil encontrar informação gratuita e de qualidade.

    Estou acompanhando a analise fundamentalista de uma empresa cujo setor está muito afetado pela crise economica que estamos vivendo no país, ainda assim, a longo prazo a ação parece ter indicadores sólidos e um preço convidativo, no que devo prestar mais atenção na analise para saber se a opção é boa?

    Obrigada

    • Olá Maristela, agradeço seu comentário e sua participação no site!

      Olha, eu geralmente realizo um filtro baseado nos resultados e dividendos pagos pelos ultimos 10 anos das empresas de meu interesse. Então eu passo pra análise do endividamento, do investimento em projetos para o futuro, analiso os concorrentes, o mercado potencial. Acho que vale a pena você avaliar como anda o endividamento da empresa em proporção ao resultado gerado, a concorrência e as perspectivas para o futuro do mercado em que a empresa atua. Eu geralmente faço o cálculo do valor justo da ação, pra saber se o preço da ação é interessante ou não. Não tem muito como dizer se há um indicador a ser analisado, pois na verdade é um conjunto de coisas que devem ser olhadas pra poder fazer um bom diagnóstico, porém estes itens que falei anteriormente podem dar um bom norte sobre a situação atual e futura da empresa.
      Espero ter ajudado! Abraços!

  5. Ricardo

    Olá Gisele! Parabéns pela iniciativa! Estou tentando aprender a investir em ações e estou gostando bastante do seu site.

    Será que você poderia fazer um artigo com um caso prático da análise fundamentalista? Já entendi mais ou menos o que deve ser analisado, mas como e onde buscar as informações é que eu estou tendo dificuldade.

    Um abraço.

    • Olá Ricardo!

      Obrigada pelo seu comentário aqui no site! Sugestão anotada! Na verdade, eu estou preparando uma série de artigos falando sobre casos práticos de análises de empresas pra ajudar os leitores. Realmente, formatar as informações é a parte mais chata do trabalho…
      O site do Infomoney disponibilizou agora uma plataforma com alguns indicadores já calculados, e com os dados das empresas formatados. Dá uma olhada na consulta por código das ações lá que vai ajudar.
      E sempre que você puder, dá uma passadinha aqui no site. Acredito que em breve conseguirei publicar artigos falando sobre análise de empresas de uma forma mais profunda!
      Abraços!

  6. Francisco

    Boa noite Gisele.
    Quero te dar os parabéns pelo seu Mini Curso de Ações.
    Não entendo nada disso, não sou economista, porém, a maneira como você escreve é muito bem elaborada.
    Nunca investi em bolsa, não entendo nada, o mais perto que chego de uma bolsa é a da minha esposa e também não entendo nada. Mas estou tentando ler sobre investimento em ações para conhecer.
    Como faço para ter acesso a analise Fundamentalista das empresas? Onde acho isso?
    Muito obrigado.

    • Olá Francisco,

      Que bom que gostou da série sobre como investir em ações. Em breve irei continuar publicando artigos deste mini-curso. Com relação aos indicadores da análise fundamentalista, na verdade, cada investidor precisa calcular os múltiplos e interpreta-los, em conjunto com a análise das demonstrações financeiras das empresas, pra poder tomar a decisão sobre as melhores ações para se investir. Você pode conseguir as informações sobre os balanços das empresa no site da BMF&Bovespa, e também no site da Infomoney, na busca de informações sobre ações por código, já há também alguns multiplos já calculados e alguns dados dos balanços das empresas. Estes dois sites geralmente são os que eu mais uso pra buscar informações sobre empresas…
      Abraços!

  7. Leonardo

    Boa tarde Gisele,
    Sou leitor de seu post. Agradeço por seu trabalho.
    Estou numa situação em que estou querendo investir em ações, executar, começar, porém
    na maioria dos blogs, como exemplo neste artículo, só encontro descrições ou teoría.
    Você tem algum blog, livro, ou conhece como eu posso colocar tudo isto em prática ?
    Tipo um curso ou tutorial de investimento em ações utilizando a analise fundamentalista?

    Por exemplo, um tutorial que toma uma empresa como examplo e faça o analise fundamentalista,
    inidicando onde obter os indicadores, como fazer as contas, etc. Ou seja, um curso completo e prático
    de analise fundamentalista.

    Desde já muito obrigado!!
    Leonardo.

    • Olá Leonardo!

      A sua dúvida é muito comum entre os investidores que estão começando a investir em ações. Eu tenho um curso que pode ser de seu interesse, sobre o investimento inteligente em ações, que trata exatamente sobre isso. Eu abro apenas algumas turmas por ano, e sempre aviso por email quando surgirem novas turmas. Quando eu for lançar este curso, você vai receber um email meu falando sobre ele. A análise fundamentalista não é difícil, mas demanda um pouco de estudo e dedicação.
      Abraços!

  8. Antonio Carlos

    tudo bem Gisele, boa noite, estou lendo seus artigos sobre investimento , estou gostando muito, logo vou começar investir, parabéns pelos seus artigos , Deus a a abençoe grandemente, um abraço

    • Olá Antonio Carlos!

      Fico feliz que esteja gostando dos artigos sobre investimentos em ações! Espero que você consiga fazer ótimos investimentos em breve!

      Abraços e fique com Deus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *