Home / Dicas para iniciantes / Conceitos básicos sobre como investir V: custos de transação

Conceitos básicos sobre como investir V: custos de transação

Conceitos básicos sobre como investir - custos de transação 4 - Seu Guia de Investimentos

Este artigo faz parte da série “Conceitos Básicos Sobre Como Investir”! No artigo de hoje vou ensinar tudo sobre os custos de transação dos investimentos! Você sabia que pra investir seu dinheiro você tem que pagar? Veja no meu artigo!

Mas antes, baixe o meu e-book “Guia 3 Passos Pra Investir Em Ações”, clicando aqui.

Custos de transação: o custo movimentar seu dinheiro no mercado financeiro

No artigo anterior eu expliquei o que são riscos e porque eles são importantes. Para fechar esta série de artigos com Conceitos Básicos sobre Como Investir quero te mostrar que, pra investir é preciso ficar atento aos custos de transação.

Pode parecer estranho pensar que você vai ter que pagar alguma coisa pra emprestar seu dinheiro. Mas toda vez que você movimenta seu dinheiro, colocando ou tirando de um investimento, você vai pagar alguma coisa. Os custos de transação são compostos por dois fatores: taxas cobradas pelos agentes financeiros (Bancos, corretoras, etc); e impostos cobrados pelo Governo.

Custos de Transação dos Bancos

Em geral os custos de transação dos Bancos são as Taxas cobradas por todo o tipo de serviço que estejam prestando a você. Veja abaixo os investimentos mais populares que são oferecidos pelos Bancos e seus custos de transação:

InvestimentoCustos de transação
Caderneta de poupançanão há
CDB’s e RDB’snão há
Fundos de Investimento – Taxa de administração;
– taxa de performance;
– taxa de carregamento
Letras de Créditonão há
Fundos de previdência privada– Taxa de administração;
– taxa de carregamento 

Custos de Transação relacionados às Corretoras e à BM&F Bovespa

Corretoras comercializam os investimentos negociados na Bolsa de Valores. As corretoras e a Bolsa dependem das taxas que são cobradas nas transações para garantirem sua existência. Veja abaixo os custos de transação associados aos investimentos mais comuns relacionados a Bolsa de Valores:

 

Investimento Custo de transação
BM&F Bovespa
Custo de transação
Corretoras
Ações -Custódia
-Liquidação
– Emolumentos
-Taxa de corretagem
Debêntures
Fundos Imobiliários -Custódia
-Emolumentos
Fundos de índice (ETF’s)
(exchange traded funds)
-Custódia
-Liquidação
– Emolumentos
Derivativos -Custódia
-Liquidação
– Emolumentos
Títulos do Governo
(Tesouro Direto)
-Custódia (0,30% a.a)-Taxa de administração

 

 

Custos de Transação relacionados ao pagamento de Impostos

Como você sabe, o Brasil tem a maior carga tributária do mundo. Em 2014 praticamente quase 40% do PIB está sendo utilizado para o pagamento dos Impostos (considerando a arrecadação somada ao déficit na divida pública). Isso corresponde a mais ou menos três ou quatro meses inteiros de trabalho de toda a população Brasileira. O Governo consegue cobrar tantos impostos simplesmente porque pagamos impostos em tudo o que fazemos. E com os investimentos não é nada diferente. Veja abaixo a relação dos impostos que somam mais custos de transação para os investimentos:

InvestimentoImpostos
Caderneta de poupançaIsenta
CDB’s e RDB’sImposto de renda
Fundos de Investimento -Imposto de Renda
-IOF
Letras de Crédito
(Agrárias e Imobiliárias)
Isentas
Fundos de previdência privada-Imposto de renda
Ações -Imposto de renda
-IOF
-ISS
Debêntures
Fundos Imobiliários
Fundos de índice (ETF’s)
(exchange traded funds)
Derivativos
Títulos do Governo
(Tesouro Direto)
-Imposto de renda

Fique atento aos custos de transação envolvidos nos investimentos que você deseja fazer. Muitas vezes eles acabam “comendo” todos os ganhos que você poderia ter, e em alguns casos podem até gerar prejuízos. Por isso é importante incluir estes custos na conta, além de descontar a inflação, quando você estiver avaliando a rentabilidade de um investimento. Se você quiser saber mais sobre como fazer o cálculo certo pra descontar a inflação e descobrir a rentabilidade real de um investimento veja meu artigo “Aprenda a calcular a rentabilidade real de um investimento“.

Esta é a última parte do artigo “Conceitos Básicos sobre como Investir“. Espero que você tenha gostado de ler esta série como eu gostei de escrevê-la! E não esqueça de baixar o meu Ebook “Guia Definitivo de Investimentos para Iniciantes“.

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos! Vamos ajudar a educação financeira atingir todos que estão à nossa volta! E deixe um comentário, pois essa troca é muito positiva!

Compartilhe este artigo também com seus amigos nas redes sociais:


&nbsp
Artigos da Série Conceitos Básicos sobre Como Investir:

  1. O que é investir: aprenda a colocar os investimentos na perspectiva certa
  2. A importância da inflação nos seus investimentos
  3. A importância dos juros nos seus investimentos
  4. Os Riscos dos investimentos
  5. Custos de transação dos investimentos (Você está aqui)

 

Recomendo a leitura:

*Novos Artigos*: acesse a página principal e leia os novos artigos e as melhores notícias sobre investimentos

[magicactionbox]

Sobre Gisele

Sou apaixonada por finanças e investimentos. Essa paixão começou em 2004 quando comecei a investir em ações. Aqui no site tenho como objetivo ajudar meus leitores a entender como o mercado financeiro e a economia estão presentes no seu dia-a-dia e a melhorar sua capacidade de tomar boas decisões de investimentos para suas vidas. Eu invisto através da filosofia de investimento em valor e análise fundamentalista. Quero dividir um pouco do que aprendi com vocês e também, aprender sempre mais através dos seus comentários e suas dúvidas.

8 comentários

  1. Ana Clara Andrade

    Adorei o teu site!

    Esse é o primeiro site que vejo falar dessas coisas assim, tao facil e simples! To curtindo muito ler teus artigos! parabens pelo trabalho que nos ajuda Gisele!

    • Obrigada pelo comentário Ana!

      Fico feliz que tenha gostado!!

      Um grande abraço!

  2. noara

    Obrigado.
    Esse site é fascinante. Não se aprende esses assuntos na escola.

    • Olá Noara!

      Agradeço sua participação no site! Fico feliz em saber que o site está sendo útil! Espero continuar ajudando os leitores com os conteúdos dos artigos!

      Abraços!

  3. Claudio Avalos

    Obrigado! Este site está me ajudando a entender e comisso, me interessar em investir!

    • Olá Cláudio!

      Obrigada pelo comentário! Fico feliz que o site esteja ajudando você a dar seus primeiros passos nesse mundo dos investimentos! Espero continuar ajudando você e outros leitores com meus artigos!
      Abraços!

  4. ELIANDRO ALCÂNTARA

    Excelente estudo. Parabéns.
    Gostaria de me especializar nessa área, qual pós graduação você me indicaria?.

    att,

    • Olá Eliandro!

      Você pode fazer pós em administração com foco em finanças na FGV, onde me formei. Lá o curso é muito bom, ou ainda tentar alguma de economia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *