Home / Dicas para iniciantes / Conceitos básicos sobre como investir IV: riscos dos investimentos

Conceitos básicos sobre como investir IV: riscos dos investimentos

conceitos básicos sobre como investir - riscos - seu guia de investimentos

Este artigo faz parte da série “Conceitos Básicos Sobre Como Investir”! No artigo de hoje vou ensinar tudo sobre como funcionam os riscos dos investimentos!

Se você quiser aprender mais sobre como funciona o investimento em ações, baixe o meu e-book “Guia 3 Passos Pra Investir Em Ações”, clicando aqui.

O que são os riscos de um investimento

No artigo anterior você aprendeu o que são os juros e como eles podem ser calculados. Existe uma relação muito próxima entre o risco de um investimento e a taxa de juros prometida como retorno. Todo investimento tem riscos. Até mesmo a caderneta de poupança tem riscos. O risco de um investimento é a incerteza que o investidor tem com relação à taxa de retorno prometida. Quanto maior a incerteza, maior é o risco. E quanto maior for a taxa de retorno prometida do investimento, em geral, maiores são os riscos que o investimento embute. Investimentos arriscados oferecem maiores taxas de juros para poderem atrair investidores.

Todo investimento está expostos a pelo menos quatro tipos básicos de risco:

1. Risco de Mercado

Este tipo de risco de um investimento está relacionado à economia. É a diferença entre o desempenho de um investimento e alguma taxa de juros da economia que possa ser utilizada como referência do preço do dinheiro no mercado, como a Taxa CDI ou a Taxa Selic, ou ainda algum índice que reflita as condições de preço de algum ativo financeiro, como o Índice Ibovespa.

2. Risco de crédito

conceitos básicos sobre como investir - riscos e calote - seu guia de investimentosÉ o risco de investimento está ligado à possibilidade que o investidor tem de receber um “calote” do credor. Ou seja, é o risco de você não receber de volta o seu dinheiro, o famoso risco de inadimplência. Este risco está ligado ao perfil das instituições que estão oferecendo o investimento no mercado financeiro. No caso dos Títulos Públicos Federais, esse seria o risco do Governo não devolver o dinheiro dos investidores. Existem agências internacionais que realizam a avaliação tanto de empresas quanto de países quanto à sua capacidade de honrar seus compromissos e com certeza você já ouviu falar delas: Moody’s, Fitch, e Standard and Poor’s (S&P). Essas agências dão “notas” que são mais conhecidas por “ratings” (para saber mais sobre os ratings, veja este meu artigo), e essas notas variam de AAA até C ou D. Quanto mais próxima de AAA a nota for, mais a empresa ou País em questão tem capacidade de honrar seus compromissos e menor o risco do investimento.

3. Risco de liquidez

Liquidez é uma condição de resgate antecipado que é oferecida pelos agentes emissores dos títulos de dívida, ou investimentos. O risco de investimento chamado de “risco de liquidez” é aquele que você corre por não poder movimentar seu dinheiro do investimento quando precisar. Quando investimentos exigem que o dinheiro permaneça aplicado sem que possa ser movimentado por longos períodos de tempo, isso significa que o investimento tem baixa liquidez. Quando o investimento tem liquidez, ele pode ser movimentado antes do vencimento da aplicação. Este risco é importante porque quanto menor for a liquidez do investimento, maior é o risco que você corre em momentos de oscilações econômicas. Sem poder movimentar seu dinheiro, você fica muito mais exposto aos prejuízos.

Existe uma troca entre liquidez e retorno. Principalmente na renda fixa, investimentos que apresentam prazos longos e baixa liquidez costumam apresentar também maiores taxas de retorno (como algumas LCIs, e alguns Títulos do Governo, que pode atingir prazo de até 20 anos ou mais)

4. Risco operacional ou de gestão

Este risco de investimento esta ligado à capacidade do gestor do investimento gerar a rentabilidade prometida. É um tipo de risco é comum em Fundos de Investimento multimercado ou de ações, Fundos Imobiliários, e demais investimentos em que há alguém administrando o seu dinheiro em seu lugar. Como neste tipo de investimento você empresta seu dinheiro para que um Banco, empresa, ou outra instituição invista em outros ativos financeiros para poder gerar os retornos; pode acontecer das estratégias traçadas pelo gestor não obterem o sucesso esperado. Muitos fundos multimercado e de ações tem retornos negativos por conta de estratégias pouco eficazes.

Antes de colocar seu dinheiro em qualquer investimento fique atento aos riscos que o investimento em questão pode apresentar. Pesquise, estude e se informe sobre tudo o que pode ocorrer de errado para evitar perder o seu dinheiro por falta de conhecimento.

No próximo artigo desta série de Conceitos Básicos sobre como Investir vou falar sobre o que são os custos de transação.

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos! Vamos ajudar a educação financeira atingir todos que estão à nossa volta! E deixe um comentário, pois essa troca é muito positiva!

Compartilhe este artigo também com seus amigos nas redes sociais:


Artigos da Série Conceitos Básicos sobre Como Investir:

  1. O que é investir: aprenda a colocar os investimentos na perspectiva certa
  2. A importância da inflação nos seus investimentos
  3. A importância dos juros nos seus investimentos
  4. Os Riscos dos investimentos (Você está aqui)
  5. Custos de transação dos investimentos

*Novos Artigos*: acesse a página principal e leia os novos artigos e as melhores notícias sobre investimentos

[magicactionbox]

Sobre Gisele

Sou apaixonada por finanças e investimentos. Essa paixão começou em 2004 quando comecei a investir em ações. Aqui no site tenho como objetivo ajudar meus leitores a entender como o mercado financeiro e a economia estão presentes no seu dia-a-dia e a melhorar sua capacidade de tomar boas decisões de investimentos para suas vidas. Eu invisto através da filosofia de investimento em valor e análise fundamentalista. Quero dividir um pouco do que aprendi com vocês e também, aprender sempre mais através dos seus comentários e suas dúvidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *